Notícias

ENEM 2017: Quais as principais mudanças?

ENEM 2017: Quais as principais mudanças?

Desde o segundo semestre de 2016 o MEC (Ministério da Educação) vinha indicando que faria alterações no ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) a partir de 2017. Apesar disso, muitos candidatos se surpreenderam com as alterações anunciadas em março deste ano e publicadas em edital no mês de abril.

As principais mudanças foram resultado de uma consulta pública realizada no período entre 18 de janeiro e 17 de fevereiro, em que mais de 600 mil pessoas participaram respondendo algumas perguntas que incluía formato e dias de aplicação da prova.

Passado o impacto da notícia e o período de inscrições para o Exame, separamos as principais mudanças do ENEM 2017 para que você possa entender, com calma, como a prova será realizada a partir deste ano. Confira:
 

1 – Dias de realização da prova

Uma das maiores mudanças do ENEM foram os dias de realização da prova. Até 2016 o ENEM era aplicado em dois dias em um único fim de semana, no sábado e no domingo. A partir deste ano a prova será aplicada em dois domingos consecutivos. Com essa mudança os sabatistas, que antes precisavam esperar até as 19 horas do sábado para iniciar o exame, poderão realizar a prova no mesmo horário que todos os candidatos.

Na pesquisa feita pelo MEC, 63,7% dos participantes optaram pela realização do exame em dois dias, em contraposição a opção de realização em apenas um dia com diminuição no número de questões (de 180 para 100). Dentre as possibilidades de realização em dois dias, 42,3% votaram para que a prova fosse realizada em dois domingos, 34,1% votaram na opção de ser realizada em apenas um fim de semana, e 23,6% optaram pela opção de realização no domingo e segunda-feira.

Este ano, as provas ocorrerão nos dias 05 e 12 de novembro. No dia 5, primeiro domingo, será a aplicação das provas de linguagens, ciências humanas e redação com duração total de 5h30m; e no dia 12, segundo domingo, será a aplicação das provas de matemática e ciências da natureza com duração de 4h30m. 
 

2 – Certificado de Conclusão do Ensino Médio

A partir deste ano, o ENEM não servirá mais para que os estudantes possam obter o Certificado de conclusão do Ensino Médio, que voltará a ser alcançado por meio do Encceja (O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) – realizado pelos Estados e municípios. Segundo o MEC o ENEM não é uma prova adequada para fazer esse tipo de avaliação.
 

3 – Isenção

Outra mudança importante é que, a partir de agora, os candidatos que fizeram o pedido de isenção terão cadastros no sistema CadÚnico, banco de dados do Governo Federal, que ficará responsável pela conferência da veracidade das informações prestadas pelos candidatos.

Além disso, os inscritos que foram beneficiados com a isenção e não realizarem a prova terão que justificar sua falta, através de atestado médico ou documento legal, caso queiram ter o benefício no ENEM seguinte.
 

4 – Cadernos de prova personalizados

A partir de 2017 as provas virão impressas com o nome e número de inscrição do candidato, assim como o cartão-resposta. O MEC ainda manterá o formato de cadernos de provas com quatro cores diferentes e afirma que a impressão das provas personalizadas é para proporcionar maior segurança ao exame.


5- Enem por Escola

Até ano passado o resultado do Enem por Escola servia como base para criação de Rankings de qualidade das instituições. Agora esse resultado não será mais divulgado. Segundo o MEC o Enem não foi criado para avaliar escolas, mas sim os estudantes do ensino médio.

Serão divulgados apenas os resultados individuais que poderão ser acessados pelo candidato através de login e senha.

Apesar das diversas mudanças, o Enem continua servindo como mecanismo de acesso ao ensino superior, através do Sisu e Sisutec, e como oportunidade de concorrer a programas de financiamento e apoio estudantil, como o Prouni e o Fies.
 
Lembre-se que o Exame ocorrerá nos dias 05 e 12 de novembro com início às 13:30 horas (horário de Brasília), os portões abrem as 12:00h e fecham as 13:00.
 

Fonte: Sponte

Topo